Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

saracasticamente

As traições da língua portuguesa

Saímos do Coliseu, após o concerto da Rádio Comercial, e começamos a subir a rua. Sem perceber para onde nos dirigíamos pergunto ao B.:

 

- Onde vamos?

- Vamos apanhar no Bolhão, escusamos de ir à Trindade. - responde o B.

 

Vamos apanhar no Bolhão? Só a mim é que isto soou estranho?!

Ora estávamos já nós a apanhar no Bolhão quando eu resolvo partilhar a minha receita de panquecas:

 

- Eu faço assim: meto uma banana, se for grande meto só meia ou um bocadinho mais de meia. Eu vejo a quantidade a pôr consoante o tamanho da banana, não tenho uma medida certa.

 

A meio da frase já tinha percebido o que estava a dizer... Malditos trocadilhos! 

94 comentários

Comentar post

Pág. 1/2