Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

saracasticamente

Da saga não gosto lá muito de pessoas

A ida à praia das rocas ontem comprovou aquilo que eu já sabia: não gosto de crianças e gosto menos ainda dos pais das crianças.

 

Um gajo com um bebé ao colo teve a distinta lata de passar por uma fila de espera de mais de uma hora argumentando que precisava entrar no recinto para mudar a fralda ao bebé. Quase tão grave quanto isto foi a pessoa que estava no primeiro lugar da fila ter acedido ao pedido.

 

Por momentos imaginei que toda a gente que tivesse uma criança fosse passar à minha frente... Provavelmente ainda agora não teria bilhete.

Por outro lado, isto deu-me uma grande ideia que quero partilhar convosco em primeira mão: vou ser mãe!

Acabam-se assim as filas em bilheteiras, em caixas de compras, em parques de diversões, em escorregas nos parques aquáticos... Há todo um mundo novo a explorar!

 

Oxalá que nunca tenha o azar de me cruzar com alguém, com um mau feitio como o meu, que me diga que se calhar o melhor é ficar em casa e mudar confortavelmente a fralda do puto a qualquer momento...

20 comentários

Comentar post