Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

saracasticamente

Fui feita a reclamar. Ponto.

Estava eu, num puro momento de reflexão, a olhar para a árvore de Natal e as prendas que estão debaixo dela (nenhuma delas para mim esclareça-se) a pensar no quão abençoada sou. Abençoada por poder passar o Natal em casa, quentinha e em família. Abençoada por ter aquilo que infelizmente muita gente não pode ter.

 

Nisto reparo que as etiquetas que identificam o destinatário dos presentes estão a descolar. De imediato o meu pensamento passa para "raios partam as etiquetas que não conseguem ficar sossegadas", interrompendo assim o terno momento de gratidão.

 

Não há nada a fazer... eu até quando me sinto grata reclamo! 

12 comentários

Comentar post