Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

saracasticamente

Rever o ex

Poucas coisas me fazem sentir tão bem como ver um ex. A sério, o meu ego dispara!

 

Este fim-de-semana tive o prazer de rever um.

Lá estava ele com a actual namorada num banco de jardim. Ela numa ponta, ele na outra. Durante os quase 5 minutos que os apreciei não trocaram uma palavra e ele não tirou os olhos do telemóvel.

 

Parei por momentos e pensei "podia ser eu". E depois agradeci por não ser...

E morrer solteira, por instantes,deixou de parecer tão mau. Porque antes solteira que sozinha...

Da saga os amigos do meu Ex-Coiso sofrem muito daquela cabeça...

 

Quando conheci os amigos do meu Ex-Coiso fui muito bem recebida. Só que não...

Ouvi coisas como "nem te adiciono no facebook porque daqui a pouco tempo vocês terminam e tenho de remover a amizade", "então e ele já te levou a Paris? É que ele leva as gajas todas a Paris", "ele pagou-te para estares aqui?", "não cries grandes ilusões que essa relação é só para meia dúzia de meses", "já estamos fartos de conhecer namoradas dele".

 

Mas pior do que esta recepção foi o facto de, durante toda a relação, ele me ter culpado por eu não ter feito um esforço por socializar com os amigos deles...

Sou mesmo uma cabra! 

A minha veia sádica...

Um destes dias cruzei-me com um dos meus Ex-Coisos.

 

E o que é que uma mulher normal pensa quando isto acontece?

Se aquelas calças favorecem o rabo, se o cabelo está num dia bom, se a maquilhagem está perfeita. A tendência é querermos estar o melhor possível para que o gajo veja bem o que é que perdeu.

 

Então e eu? Qual foi a primeira coisa que eu pensei?!

"Oxalá ele repare que estou a usar a mala da Tous que me ofereceu e se arrependa do dinheiro que investiu nisto!"

 

Sou mesmo uma gaja sádica...

Sou uma ex muito fofa!

O meu ex coiso ligou-me para tratar de assuntos burocráticos. Antes a burocracia terminasse tão rapidamente como o amor...

 

Ex coiso: Não tratei disto antes porque estive no hospital.

Eu: Estiveste no hospital?

Ex coiso: Sim, fui operado à garganta.

Eu: Nada que dê para falecer, portanto?

Ex coiso: Não, ainda não é desta.

Eu: E eu que já estava aqui a ver um vestido vermelho para o funeral...

Ex coiso: Não é vermelho, é preto.

Eu: Isso é quando se fica triste por as pessoas morrerem...

 

Esta conversa fez certamente com que ele relembrasse o quanto eu sou querida e fofa e se arrependesse amargamente da separação! :)

Mas a parte séria e boa da coisa é que poder brincar com ele fez-me sentir tão crescida...