Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

saracasticamente

Medidor de inteligência

A minha prima tem uma colega cujo filho é sobredotado. Isto faz do puto um tema de conversa recorrente, até porque nós não estamos habituadas a lidar com a inteligência assim tão de perto.

 

Segue um excerto da nossa última conversa:

 

A: O miúdo disse à mãe que se ela fosse à China queria que ela trouxesse um panda e se fosse ao Japão queria um Power Ranger. Ele sabe que os Power Rangers são do Japão!

J: Isso não é nada de especial.

A: Não?! Eu com 4 anos lá sabia de onde eram os Power Rangers!

Eu: Eu nem agora sabia! E com 4 anos China e Japão para mim eram a mesma coisa. Tinham todos os olhos em bico!

A: Mesmo! O puto aprendeu a ler sozinho! O puto, com 4 anos, sabe dizer triceratops...

Eu: O meu ex, com 40, nem profiteroles sabe dizer.

J: Ya... Visto por aí...

 

É curioso que o J. só tenha percebido o quão inteligente a criança é quando a comparei com o meu ex. Temo que se os autores dos testes de inteligência usarem o meu ex como medida de referência muita gente possa ser considerada sobredotada...

20 comentários

Comentar post