Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

saracasticamente

Regresso às (aulas) redes sociais

Esta semana começaram as aulas. Terá sido difícil que não tenham reparado nisso...

Pelo menos as minhas redes sociais encheram-se de fotos de crianças. Eu não aprecio lá muito a canalha, mas para os pedófilos foi um dia muito feliz... Era só ir ao feed de notícias e lá estavam elas! Criancinhas todas bonitinhas e arranjadinhas com as suas mochilinhas prontas para irem para a escolinha. Prontas para a escola ou para a foto... No meu tempo, que não havia telemóveis nem redes socais, mandavam-nos para a escola de fato de treino. Mas isto sou só eu a tirar ilações...

 

As fotos eram ainda acompanhadas de um belo e emotivo texto evidenciando o orgulho que os papás têm nas suas crias por estas irem para a escola. Pergunto-me eu: elas têm outra opção? Ah e tal porque o meu filho está crescido e vai para a escola. Mas não é o que era suposto acontecer? O que dizem ser orgulho não será felicidade por despacharem as crianças para a escola o dia todo e como bónus ainda terem a possibilidade de culpar os professores pelo comportamento delas? Não será isso?

 

A minha geração não teve nenhum deste mediatismo. Os nossos pais não se orgulhavam de nós pelo simples facto de irmos para a escola e muito menos o publicitavam. Ou nós éramos umas abéculas ou então fomos uma geração muito mal amada! 

 

Já nestas crianças tenho muita fé... Estas crianças são verdadeiramente brilhantes... Estou ansiosa que se tornem adultos... (E coloquem muitas reticências nesta última frase)

 

 

22 comentários

Comentar post